terça-feira, 23 de julho de 2013

Sapatinhos de ir ao Petróleo...

Sim, eu escrevi «sapatinhos de ir ao petróleo» há muitas designações diferentes para esta expressão, mas eu prefiro esta...

Pois bem, eu hoje venho-vos falar desses ditos sapatinhos de ir ao petróleo e dum episódio em especial.

Véspera de S. João



Eu, na véspera de S. João, dia 23 de Junho, este ano, fui com o meu P* e com os amigos dele festejar a noite de S. João no Porto, fui eu, o meu namorado, 4 amigos dele e a namorada de um deles, ou seja éramos duas raparigas e cinco rapazes.

A rapariga decidiu ir com uns sapatinhos de ir ao petróleo, daqueles que parecem lindinhos mas nós, mulheres, sabemos que são super desconfortáveis, a noite de S. João é uma das noites do ano em que se caminha mais, porque é quase impossível arranjar táxis para a Praça do Cubo, logo temos de caminhar e caminhar ...

Mal chegamos ao restaurante (caminho pedestre) já a miúda tinha os pés todos em ferida, os sapatos fizeram bolhas nos seus pés de princesa, as bolhas rebentaram e ela cheia de dores,... confesso que tive pena, eu levava uma mala mesmo pequenina e não tinha qualquer material para lhe fazer um penso, nem sequer tinha uma ligadura de protecção...

Lá jantamos e acabamos por passar em casa dum dos rapazes, para lhe arranjar um par de ténis e dois pares de meias, senão ela iria descalça o caminho todo...

Eu sei que somos mulheres e que adorámos mostrar que temos calçado bonito, provocar inveja nas outras mulheres, mas há ocasiões e momentos para usar um par mais confortável e outras ocasiões para usar um par mais vistoso... até porque a mim só me conseguiu provocar pena e nada de inveja...

O que também é degradante para a nossa reputação (feminina), perante os homens, eles acabam a pensar que nos só pensamos nos nossos pés, que só nos queixamos e choramingamos, que gastamos imenso dinheiro em sapatos, para a meio da noite termos uns ténis do amigo do namorado nos pés... Não é aconselhável... E eu confesso que sou muito esquisita em calçar meias alheias, se fosse as do meu namorado... talvez, eu sei onde ele anda com os pés, mas as meias do amigo do namorado... confesso... não era algo que eu fizesse!!!

Logo para noites de festa e romaria eu aconselho alguns pares confortáveis, de preferência sapatos que permitam o uso de meias grossas, porque quando se caminha muito o pé transpira e com o roçar do sapato na pele, provoca atrito fazendo as ditas e dolorosas bolhas.

Alguns sapatos como os que podemos encontrar em Spartoo.pt:







Kangaroos
GIZELLA

Portanto, meninas, escolham o calçado a pensar na ocasião, evitem sofrimentos a vós e a quem vos rodeia, porque são sempre situações que se podem e devem evitar, porque além de ser doloroso para vós, as pessoas que vos acompanham acabam por ficar sempre com má impressão ou desagradadas, são coisas que mais vale prevenir e a rapariga neste caso teve sorte, por a casa do rapaz ser perto, senão teria de fazer quilómetros descalça e além das bolhas já feitas ainda iria fazer mais!

Beijos*

Sem comentários:

Enviar um comentário

Ola :)
Leste?
Então toma a Liberdade de comentar...
Só com as vossas opiniões podemos melhorar!

Saudações Negras

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...