domingo, 1 de janeiro de 2017

O alívio de 2017

(Este será o primeiro post do ano e provavelmente o mais pessoal de todos!)
2017 começou por ser um alívio.


Sim um alívio, 

Não sei porquê mas eu, aos 25 anos de idade a viver junta há mais de um ano com o meu namorado de há 4 anos, não me sinto preparada para casar, assentar com uma hipoteca e filhos...

Apesar de o avô do P* achar que vivemos em pecado, eu nao acredito.
Respeitamo-nos e amamo-nos como qualquer casal, também discutimos quando é preciso e no fim de contas somos uma equipa e pêras!

Talvez seja esse o motivo que não esteja preparada para abdicar da vida como a temos.

Por isso as coisas quando são feitas, sao feitas com muito amor, mas também muita precaução... e regular como costumo ser acabo de tomar a pílula e uns dias depois menstruo... mas não este mês... passou uma semana e nada, duas e nada... três e nada...

Ainda no Uk fiz 3 testes todos negativos... mas porra o gajo não vinha o stress de saber que nenhum método é 100% eficaz para além da abstinência ahah e eu própria fui uma filha muito amada de um método contraceptivo falhado e não tenho vergonha disso no entanto todo esse conhecimento só me trouxe mais stress ainda...

A minha irma numa das nossas saídas descobriu o meu drama e foi comigo à Wells do Shopping Alameda no Porto, e comprámos 2 dos testes mais caros...
DETESTEI O ATENDIMENTO, A FUNCIONARIA OLHOU PARA A MINHA IRMÃ DE 18 ANOS COM AR DE DESAPROVAÇÃO COMO SE OS TESTES FOSSEM PARA ELA...

MINHA SENHORA QUEM ANDA A CHUVA MOLHA-SE E POR ACASO OS TESTES ERAM PARA MIM... SUSTOS ACONTECEM A QUALQUER PESSOA...
A minha irmã que é muito confiante de si mesma olhou para mim é só me disse NÃO ME IMPORTO COM A OPINIÃO MESQUINHA DE PESSOAS COM POUCA CULTURA.

Fiz logo um deles negativo... entretanto o natal chegou e eu não fiz o segundo decidi deixar passar um tempo...
Acalmar todo o stress com que vim do Reino Unido e desfrutar das férias, falei com uma das minhas melhores amigas que me disse não te aflijas, já passei pelo mesmo pensas nisso depois do ano novo...

Fui pensando no assunto e desvalorizando... hoje acordei e lá estava ele a olhar para mim a dar-me dores de cabeça e etc, etc... mas eu fiquei mesmo feliz por o ver.


ACHO ESTRANHO EM PORTUGAL OS JOVENS FUNCIONÁRIOS DUMA FARMÁCIA DE SHOPPING DUMA CIDADE COMO O PORTO OLHAREM PARA JOVENS A ACOMPANHAR ALGUÉM COM IDADE PARA SER MÃE, essa jovem é que é olhada com reprovação? Eu com a idade da minha irmã sexo era um bocado tabu em nossa casa... agora que eu estou longe e a viver com o Paulo as mulheres juntam-se e falam mais abertamente, eu nao tenho qualquer problema em comprar 100 preservativos à minha irmã se isso a mantiver longe de doenças etc...

Acho que a mesquinhez com que a sociedade portuguesa trata as jovens.... uma ignorância... lembro-me de ter 20 anos e ter ido a uma farmácia a Gaia e pedido preservativos e senti-me tão envergonhada, repugnada até... semelhante foi a reprovação da pessoa que me atendeu.. Meninas não devem comprar preservativos... disse me a mulher...

Tinha 20 anos, era ja uma mulher muito segura de mim mesma e gostava de fazer as coisas em segurança qual era o problema de me precaver?
Era melhor arriscar? Uma doença ou um filho indesejado que me impedisse de concluir o meu curso e ter a vida que tenho hoje?

E fui eu que me senti mal com o meu acto?

Será que as pessoas não têm consciência dos seus actos? Não te consciência que envergonhar uma rapariga por pedir preservativos vai fazer com que a maioria delas desista de os comprar... vai fazer com que arrisquem... se são criticadas por comprarem testes de gravidez, elas não os quererão comprar e posteriormente descobrir gravidezes tardias para as quais não estão preparadas.

Acho vergonhoso a recriminaçao do amor físico, do sexo... algo tão puro, tão básico, tão humano!

O meu susto... pode acontecer a qualquer mulher sem excepção.

Por isso pensem duas vezes antes de julgarem uma mulher ou jovem... nao sabes o que é estar nos seus sapatos ou no que te está para acontecer.

3 comentários:

  1. Também já apanhei um susto assim este verão e fui a uma farmácia com o meu namorado e a farmacêutica que nos atendeu era uma senhora super querida e ainda estivemos falar sobre o assunto algum tempo onde ela até nos aconselhou. Vergonha não deve ser comprar aquilo que nos vai proteger e manter seguros, vergonha é não o fazer e meter em causa até a saúde das pessoas!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tiveste sorte, provavelmente a senhora é das que gosta da sua profissão e em vez de estorvar ajudou-vos.
      As minhas experiências infelizmente não foram as mais positivas.

      Eliminar
  2. O preconceito existe sim, é injusto! Temos que ter uma cabeça ótima pra saber lidar com esse tipo de gente!


    Beijos!

    EsmaltadasdaPatyDomingues

    ResponderEliminar

Ola :)
Leste?
Então toma a Liberdade de comentar...
Só com as vossas opiniões podemos melhorar!

Saudações Negras

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...